5 Fatores que podem garantir a saúde financeira empresarial

saúde financeira empresarial

Cuidar bem da saúde financeira empresarial é um desafio para negócios de todos os tamanhos. Um estudo do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) constatou que 78% das empresas tiveram queda acentuada de suas receitas entre 2015 e 2016. Manter a saúde financeira empresarial requer muito preparo para lidar com os desafios. Um bom controle financeiro pode atenuar problemas com:

  • Falta de Liquidez;
  • Margem de lucro apertada;
  • Desequilíbrio no Fluxo de Caixa;
  • Endividamento.

Organizar a gestão do seu negócio é uma necessidade para sobreviver num mercado onde praticamente uma entre cada quatro empresas (23,4%) quebram antes de completar dois anos, segundo estudo do SEBRAE.

E, mais do que saber identificar os problemas, o essencial é intervir em suas causas. Por isso, reunimos aqui os cinco fatores mais relevantes para a saúde financeira empresarial, que vamos detalhar a seguir trazendo dicas simples para colocar em prática imediatamente.

Melhore a Produtividade no desempenho das tarefas

Segundo levantamento do Conference Board, a produtividade de um trabalhador brasileiro equivale a 25% da de um americano. Embora isso não quer dizer que o americano trabalha quatro vezes mais, o dado revela que, infelizmente, o brasileiro está muito longe de ter as melhores condições para desempenhar suas tarefas.

Essa conclusão impacta diretamente o faturamento dos negócios, a saúde financeira empresarial e a qualidade de vida da sociedade como um todo.

“Você não pode impor a produtividade, você deve fornecer as ferramentas para permitir que as pessoas se transformem no seu melhor.” – Steve Jobs.

Nesse quesito, um bom fluxo de trabalho faz toda diferença para a saúde financeira empresarial. Ter a visão completa das tarefas, integrando os diversos responsáveis por cada etapa, possibilita que cada um foque naquilo que precisa ser feito agora. Ficar perdido entre muitas demandas pode gerar frustração e o sentimento de paralisia.

É comum que profissionais desorganizados sofram com ansiedade e não consigam atingir o máximo de sua performance.  Uma dica é utilizar ferramentas online que possibilitem fluxos simples e integrados. Assim, a comunicação não fica dispersa em vários canais, como por exemplo o Trello.

O conceito de produtividade está relacionado ao esforço necessário para realizar cada ação. Por isso, é um erro acreditar que se manter sempre ocupado ou fazer muitas horas extras seja sinal de produtividade.

Um bom fluxo de trabalho é aquele no qual o profissional não se sinta perdido ou sobrecarregado. Ser produtivo, acima de tudo, implica em equilibrar bem o tempo e as tarefas que precisam ser cumpridas.

Defina processos claros e eficientes

definir processos

Quando as atividades da empresa decorrem de maneira dispersa, grande parte do esforço acaba se perdendo. Pior ainda é perder a oportunidade de construir uma memória dos processos, que pode agilizar tarefas, reduzir custos e evitar transtornos com desfalques no time.

Definindo processos claros, também é possível que cada colaborador tenha clareza do seu papel no resultado final, dinamizando também o papel dos líderes, já que não haverá desvios naquilo que foi planejado.

O tempo é um bem muito valioso para se desperdiçar pela falta de organização. Quando as tarefas recorrentes e projetos que guardam similaridade entre si estiverem bem detalhados e metrificados, a empresa vai progredir mais rapidamente.

Um bom exemplo disso são os aplicativos que automatizam as cobranças de assinaturas de serviços. Essa funcionalidade desafoga o suporte e agiliza o atendimento, gerando boletos, interagindo com as operadoras de cartão de crédito e auxiliando os clientes mais “desligados” a se lembrarem das datas de pagamento.

E também já existem soluções automatizadas para gestão da folha de pagamento, prospecção comercial e geração de leads, até mesmo para lidar com questões tributárias!

São inúmeras facilidades que negócios inovadores estão disponibilizando. Ótimos instrumentos para favorecer a saúde financeira empresarial. No próximo tópico, vamos nos aprofundar em como isso pode beneficiar o seu controle financeiro.

Tenha uma gestão financeira detalhada

Quem decide abrir o próprio negócio, tem a busca da independência financeira entre seus objetivos. Mas, na prática, grande parte das empresas se descuida desse setor. Afinal, para muitos é uma tarefa complicada e entediante.

Em pequenos empreendimentos, geralmente é um dos sócios que se encarrega do controle financeiro, mas nem sempre tem a formação teórica para lidar com isso. Mesmo quando há profissionais capacitados que se dedicam exclusivamente a lidar com os números, acabam se perdendo em planilhas ultrapassadas e pilhas de papel com informações desencontradas.

Mas além de pensar nas questões internas, também é preciso levar em consideração que existe concorrência. As empresas que conseguem se organizar com maior eficiência, reduzem os custos e se tornam mais competitivas sem sacrificar a margem de lucro.

Tudo bem, mas como descomplicar o controle financeiro do seu negócio sem necessidade de grandes investimentos?

A dica é experimentar os benefícios de um organizador financeiro que reúna todas as informações para que possam ser consultadas de forma simples, em qualquer lugar.

Ao invés de levar horas com relatórios longos, refazendo as contas para checar se os números batem, que tal apenas tirar o celular do bolso e visualizar gráficos e tabelas fáceis de compreender, confiáveis e atualizados em tempo real?

Veja algumas das vantagens de ter um software que ajude na gestão financeira do dia a dia da sua empresa:

  1. Eliminar as inúmeras planilhas e relatórios que tomam tempo e exigem muita atenção;
  2. Integrar, em tempo real, informações de diversas contas bancárias;
  3. Aproveitar melhores oportunidades de descontos no pagamento antecipado de duplicatas, à medida em que terá maior controle do fluxo de caixa;
  4. Gerenciar com facilidade os dados de clientes e fornecedores;
  5. Obter rapidamente informações detalhadas e confiáveis, independentemente do lugar onde esteja, numa interface amigável;
  6. Reduzir os custos com papel e mão de obra;
  7. Emitir notas fiscais com facilidade;

Faça um planejamento estratégico

Um bom planejamento estratégico é a melhor forma de direcionar o crescimento da sua empresa. Saber com clareza os objetivos da instituição vai nortear todo o esforço, garantindo maiores avanços a longo prazo. Assim, todos falam a mesma língua.

Além de definir metas e aprimorar processos, você planeja investimentos e se prepara para manter a saúde financeira empresarial, mesmo em situações difíceis. Tudo deve estar previsto com antecedência para que possa tomar decisões conscientes e diminuir as chances de cometer erros que comprometam a saúde financeira empresarial.

Da mesma forma que acontece na vida pessoal, é grande a diferença entre quem tem um propósito claro e aquele que se deixa levar pelas circunstâncias.

A empresa que elabora um planejamento estratégico consistente se fortalece e adquire melhor posicionamento no mercado. Lembre-se que a organização é uma vantagem competitiva que reduz custos e contribui para a lucratividade do negócio.

Você precisa contratar uma consultoria especializada para construir um planejamento estratégico que vai preservar a saúde financeira empresarial? Nem sempre.

Em algumas situações, esse pode ser um investimento vantajoso. Mas não quer dizer que pequenos negócios, que não possuem recursos para financiar esse tipo de ajuda, ficam impossibilitados de elaborarem internamente.

Veja agora como fazer isso:

  1. Pense na visão, missão e valores: defina o perfil do seu negócio;
  2. Crie um orçamento com prioridades claras;
  3. Estimule a participação da equipe;
  4. Valorize os talentos do seu time;
  5. Aprimore sempre seu planejamento.

Estabeleça metas claras

gestão financeira empresarial

Compreender que existe uma diferença entre trabalhar muito e ser eficiente levará sua empresa a se desenvolver com consistência. Se existe o planejamento estratégico para definir uma visão de longo prazo para o negócio, também devem haver metas claras para estabelecer o que será realizado em cada etapa.

A dica para colocar em prática imediatamente é o método S.M.A.R.T, que surgiu nos Estados Unidos. Unidas, as letras formam a palavra em inglês que significa “inteligente”, mas cada uma tem seu próprio significado:

  • Specific (Específico)
  • Measurable (Mensurável)
  • Attainable (Atingível)
  • Realistic (Realista)
  • Timely (Temporizável)

Percebeu que são características desejáveis para as metas da sua empresa? Só que elas devem ser acompanhadas de perto, para que não se tornem apenas promessas. Para a saúde financeira empresarial é indispensável contar com dados confiáveis, aos quais você possa ter acesso com facilidade.

Em dia com a saúde financeira empresarial

A partir das dicas que apresentamos neste artigo, você será capaz de focar seus esforços naquelas tarefas que pode desenvolver melhor suas habilidades e que são desafiadores, entrando no estado de “flow”, aquele em que está no auge de sua performance.

Outra vantagem da organização para a saúde financeira empresarial é saber na ponta da língua indicadores como ROI (retorno por investimento), se tornando capaz de identificar e priorizar os canais que mais geram negócios para sua empresa.

Fortalecer a relação com seus colaboradores é outra premissa de implantar fluxos de trabalho mais eficazes, utilizando ferramentas modernas de simples que facilitarão o cotidiano.

Afinal, ter informações consistentes e confiáveis levará a melhores decisões, o que reduz consideravelmente as chances de cometer erros.

Por isso, abandone os controles manuais, as suposições e improvisos. Ao profissionalizar a gestão, estará melhor preparado para se sair bem em qualquer desafio e trabalhar com inteligência pelo crescimento consistente do empreendimento. Não esqueça:

“Busque pela excelência, não pela perfeição.” – H. Jackson Brown Jr, autor de  Life’s Little Instruction Book

Gostou das dicas? Já se sente confiante para avançar ao próximo nível? Vai perceber que colocar essa estratégia em prática te ajudará a vender muito mais! Se ficar alguma dúvida sobre saúde financeira empresarial, comente aqui abaixo que a gente te ajuda 😉

Compartilhe esse artigo:

Postagens Relacionadas

Trello on various platforms

Using Trello at Work

Sign up for Trello Business Class to learn how your entire team can maximize productivity.

Saiba mais