Motivação e qualidade de vida no trabalho: segredos do Facebook, CISCO e Harvard

qualidade de vida no trabalho

Você costuma jogar na loteria? Bem, com certeza ganhar um prêmio desses seria bastante motivador e, se bem empregado, poderia proporcionar mais qualidade de vida para qualquer um.

Mas não é bem disso que queremos tratar neste momento. Feche seus olhos e imagine a seguinte situação:

Em uma sala, um certo número de pessoas é divido em dois grupos.

O primeiro recebe um pedaço de papel com um número impresso.

O segundo recebe um papel em branco para os integrantes escreverem o número que quiserem.

Depois, são avisados que haverá um sorteio e quem tiver o número sorteado receberá um prêmio.

Porém, pouco antes de se iniciar o sorteio, um dos organizadores decide comprar alguns números dos participantes, para aumentar suas chances de vencer.

Quem você acha que vendeu seus números pelo preço mais elevado? As pessoas que escreveram seus próprios números ou as que os receberam prontos?

As pessoas se sentem mais motivadas quando são as autoras de suas iniciativas

Na verdade essa história trata de um experimento real e, apesar de não existir nenhuma razão lógica para isso, as pessoas que escreveram seus números os venderam, em média, por um valor 5 vezes maior que os outros.

Por que estamos falando de loteria se nosso tema é motivação e qualidade de vida no trabalho?

Porque este experimento “lotérico” visava provar que as pessoas se sentem muito mais motivadas – principalmente no trabalho – quando acreditam que o resultado de seus esforços é fruto de uma iniciativa pessoal delas.

Esta é a primeira dica para motivar as pessoas no trabalho: deixe que elas tomem as próprias iniciativas e conduzam suas ideias.

Segundo declarou John Chambers quando era CEO da CISCO, essa metodologia realmente funciona:

“Foi difícil para mim, no início, ser colaborativo. No momento em que eu entrava em uma reunião, eu ouvia por no máximo 10 minutos enquanto a equipe discutia um problema. Eu já sabia qual era a resposta e, eventualmente, eu dizia logo: ‘Tudo bem, aqui está o que vamos fazer’. Mas quando eu aprendi a deixar as coisas rolarem e dar ao time o tempo necessário para chegar à conclusão certa, descobri que eles tomavam decisões tão boas, ou até melhores que a minha. E mais importante: eles se sentiam mais empoderados com a decisão e executavam as tarefas com mais agilidade e comprometimento”

Neste post, vamos apresentar mais algumas dicas de motivação e qualidade de vida no trabalho baseadas em pesquisas realizadas por grandes empresas ou instituições de ensino renomadas.

Infelizmente, nem todos contam com um sorteio de prêmios.🙄

Dicas de motivação e qualidade de vida no trabalho

O porquê você trabalha determina como você trabalha

Segundo um artigo da HBR existem 6 razões principais que podem afetar a motivação e qualidade de vida e no trabalho.

As três primeiras têm um efeito positivo e são:

  • Diversão
  • Propósito
  • Potencial

As outras três afetam de forma bastante negativa a motivação e, principalmente, a qualidade de vida no trabalho:

  • Pressão emocional
  • Pressão Econômica
  • Inércia

Vamos entender melhor cada uma delas:

  • Diversão: quem faz o que gosta e praticamente trabalha brincando, obviamente tem muito mais motivação e qualidade de vida no trabalho.
  • Propósito: quando os resultados do seu trabalho têm uma relação direta com sua própria maneira de ser, você se sente mais motivado. Por exemplo, um professor que se orgulha de educar as novas gerações sempre estará motivado no trabalho, assim como um médico que quer diminuir o sofrimento das pessoas.
  • Potencial: quando os resultados do trabalho tornam a pessoa ainda mais capacitada para crescer pessoal e profissionalmente a motivação é positivamente influenciada. Novamente, um professor que aprende enquanto ensina pode se tornar um diretor, ou mudar do ensino médio para o superior.
  • Pressão Emocional: ocorre quando a pessoa só trabalha devido a influências externas e para não se sentir culpado por não fazer nada. Quem trabalha para não desapontar as expectativas dos outros sempre terá problemas de motivação.
  • Pressão Econômica: quando a pessoa trabalha apenas para ganhar dinheiro e se sustentar não há como ter motivação ou qualidade de vida no trabalho.
  • Inércia: a pessoa nem sabe mais porque trabalha. Sua atividade não tem qualquer relação com sua personalidade ou seu jeito de ser.

Para motivar as pessoas no trabalho e proporcionar mais qualidade de vida, é preciso criar uma cultura na empresa que favoreça os três primeiros aspectos: diversão, propósito e potencial.

O estudo revelou que culturas empresariais fortes e que favorecem os fatores motivacionais têm uma relação direta com a satisfação dos clientes.

Veja este gráfico que ilustra a relação entre a satisfação dos clientes e os fatores motivacionais na indústria da aviação:

motivação e qualidade de vida no trabalho

As empresas com uma forte cultura motivacional, como a Southwest e a Delta, são um exemplo positivo dessa correlação ao apresentarem os melhores resultados em relação à satisfação dos clientes.

Os 3 “Cs” da motivação e qualidade de vida no trabalho do Facebook

Carreira, Comunidade e Causa.

Uma pesquisa realizado pelo Facebook com seus próprios funcionários revelou esses três aspectos como os mais desejados pelos funcionários em relação ao trabalho.

Entenda isso melhor:

  • Carreira está relacionado com o trabalho em si: ter um emprego que oferece autonomia, permite que você use seus pontos fortes e promova seu aprendizado e desenvolvimento, essa é a base da motivação.
  • Comunidade é sobre as pessoas: sentir-se respeitado, reconhecido e perceber que as pessoas se importam com você. Isso impulsiona nosso senso de conexão e pertencimento.
  • Causa se refere um propósito: sentir que você traz um impacto significativo, identificando-se com a missão da organização e acreditando que isso faz algum bem no mundo. É uma fonte de orgulho.

Como você deve ter percebido em todos os estudo citados, a motivação é algo que vem de dentro das pessoa, está relacionado com valores que vão muito além de remuneração ou status. Esses valores se referem a sentimentos nobres, como pertencer a um grupo, defender uma causa ou ser o autor das próprias iniciativas.

Por isso, da próxima vez que você conferir seu bilhete da virada ou outro sorteio de loteria e descobrir que não ganhou nada (de novo), não se lamente por ter que continuar trabalhando. Pelo contrário: relembre o real propósito de seu trabalho, o motivo que o faz levantar cedo 5 dias por semana.

Com certeza você se sentirá muito mais motivado.

Leia também: Como ter motivação sem limites: o segredo está na autovalidação

Compartilhe esse artigo:

Postagens Relacionadas

Trello on various platforms

Using Trello at Work

Sign up for Trello Business Class to learn how your entire team can maximize productivity.

Saiba mais